Azenha do Mar: o que fazem os pescadores para se tornarem menos dependentes do mar? (com VÍDEO)

“Para mim é o paraíso, é o melhor sítio do mundo para se estar”. É assim que Valter Silva, pescador de 32 anos, fala dos trilhos pedestres da Azenha do Mar. Valter é um dos cinco pescadores que trocaram as redes e os barcos, esporadicamente, para guiarem turistas em percursos de natureza.

Ao mesmo tempo que mostra aos turistas este pequeno pedaço de paraíso do concelho de Odemira, garante um rendimento extra para o orçamento familiar, ainda que simbólico.

“O nosso porto não tem muitas condições, e este Inverno tivemos três meses sem ir ao mar, só recomeçámos a fazê-lo recentemente. E esta é também uma forma de passarmos o tempo. Sabe bem passear e andar”, explicou o pescador-guia ao Economia Verde.

O pai de Valter, José Manuel, também é guia e dá workshops de culinária, em parceria com a mulher. É que a pesca já não mete 40 barcos na Azenha do Mar, como antigamente – hoje, existem pouco mais de 10 barcos.

Com o número de pescadores a diminuir, a cooperativa Taipa tentou perceber como poderia tornar a comunidade piscatória menos dependente do mar. Para além dos passeios na natureza e das aulas de cozinha, os pescadores também produzem e vendem peças de artesanato.

“Tudo isto tem muito a ver com as características desta comunidade, que gosta muito de receber e mostrar o que tem de melhor. E a verdade é que não estava a conseguir fazê-lo. E aí entramos nós, que tentamos potenciar o que já é deles, e mostrá-lo à comunidade e turistas. Todas estas actividades já existiam, mas não eram visíveis”, explicou Ivânia Guerreiro, da cooperativa Taipa, ao Green Savers.

A estratégia passa também por vender o peixe directamente aos consumidores, um projecto chamado de Cabaz do Mar. Em cada encomenda, um consumidor recebe três quilos de peixe apanhado exclusivamente na Costa de Odemira e disponível no dia da compra. O objectivo é promover uma pesca mais sustentável e valorizar espécies geralmente menos apreciadas. Veja como a comunidade piscatória de Azenha do Mar está a mudar no episódio 240 do Economia Verde.

Deixar uma resposta

Patrocinadores

css.php