Fuga de vapor na central nuclear de Fessenheim (França) faz dois feridos

Dois trabalhadores da central nuclear de Fessenheim, na França, ficaram hoje feridos devido a uma fuga de vapor de peróxido de hidrogénio. Segundo explicou a EDF, que opera a central, a fuga não foi radioactiva e os dois reacteres não terão sido desligados.

Numa primeira fase, o vapor foi confundido por fumo, ainda de acordo com a EDF, tendo colocado em pânico toda a comunidade envolvente de Fessenheim.

Ainda assim, há bombeiros a trabalhar na central, que se localiza na zona Este de França, perto da fronteira com a Alemanha.

Recorde-se que esta é uma das mais mediáticas centrais francesas, uma vez que os seus reactores são os mais antigos do País.

“Durante a manutenção na parte de compostos nucleares da fábrica, os trabalhadores utilizaram peróxido de hidrogénio, o que levou uma fuga de vapor e por isso as pessoas pensaram, inicialmente, que a fábrica estava a arder”, explicou um porta-voz da EDF.

François Hollande já garantiu que a central nuclear de Fessenheim será desactivada antes do final do seu mandato, em Maio de 2017.

Recorde todas as notícias do Green Savers sobre a tragédia de Fukushima.

Deixar uma resposta