Portugal: Mercado automóvel continua em queda livre. Em Março, perdeu 51,7% (GRÁFICO)

O mercado automóvel português poderá vender menos 100 mil veículos em 2012, tendo em conta os números do ano transacto, se a tendência de quebra de vendas abrupta continuar. Segundo a Associação Automóvel de Portugal (ACAP), a queda de vendas no primeiro trimestre deste ano foi de 49%, para os 28.215 automóveis vendidos.

Segundo a ACAP, Março acentuou esta queda de vendas, com menos 51,7% de carros vendidos. Destes, 49,2% são ligeiros de passageiros, 66,1% são comerciais ligeiros e 50,3% veículos pesados.

Em relação ao período entre Janeiro e Março, a tendência é similar. Venderam-se menos 48,4% ligeiros de passageiros, 52,6% comerciais ligeiros e 45,4% veículos pesados.

Segundo a ACAP, citada pelo Expresso, em causa estarão cerca de 21 mil postos de trabalho e 2.600 empresas. Poderá esta quebra de vendas estar relacionada com o facto de os portugueses estarem a andar mais de transportes públicos – em virtude do aumento do preço dos combustíveis, por exemplo – ou será apenas a crise económica a falar mais alto?

Consulte o gráfico dos primeiros números do ano (via ACAP).

Deixar uma resposta

Patrocinadores